E-MAIL:    SENHA: 




E-mail
Senha
 
Cadastre-se!
IBEDESS > NOTÍCIAS > IBEDESS

Envie para um amigo  |  Imprimir  |  Voltar
Ibedess promove debate sobre Crise na Pediatria

O Instituto Brasileiro para Estudo e Desenvolvimento do Setor de Saúde (Ibedess) realizou no dia 11 de junho, o debate “Crise na Pediatria”, no auditório Borges da Costa, na sede da Associação Médica de Minas Gerais.


A mesa de debates contou com a presença do presidente do Ibedess, Dr. Virgílio Baião Carneiro e dos convidados do Dr. Cláudio Drumond Pacheco, diretor de Defesa Profissional da Sociedade Mineira de Pediatria; do Dr. José Guerra Lages, diretor do Hospital Infantil São Camilo e do Dr. Sérgio Bersan, superintendente de Provimento de Saúde da Unimed Belo Horizonte.


O presidente do Ibedess, Dr. Virgílio Baião iniciou os trabalhos da noite agradecendo a todos pela presença e reforçando o compromisso do Ibedess em promover debates neste formato e a importância da discussão sobre a atual situação da pediatria.


Em sua fala, o membro da diretoria da Sociedade Mineira de Pediatra (SMP), Dr. Cláudio Pacheco, apresentou dados sobre a demografia médica no Brasil e destacou os dados sobre os pediatras e sua atuação em Minas Gerais. Na sequência, o pediatra apresentou as reivindicações e propostas que a SMP propõe, como valor mínimo da consulta, criação da remuneração médica para avaliação do paciente em sala de observação; piso salarial conforme estabelecido pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam), entre outros.


Na sequência, Dr. Sérgio Bersan falou sobre a preocupação e os investimentos da Unimed-BH referentes ao atendimento de Pediatria e pontuou algumas questões como a oscilação e viabilidade na manutenção do leito em hospitais somente pediátricos e sobre a mudança no comportamento do vínculo do paciente e sua família com o médico. Dr. Sérgio reforçou ainda a importância do Comitê de Pediatria existente dentro da Unimed-BH que serve e atua como indicador para as questões relativas à especialidade.


O diretor do Hospital São Camilo, Dr. José Guerra Lages durante sua apresentação, relatou sobre sua vivência prática enquanto diretor de um hospital exclusivamente pediátrico e pontuou algumas questões como a sazonalidade e os custos do atendimento pediátrico e como o ambiente hospitalar precisa estar preparado para atender a essa demanda.


Logo após as apresentações, abriu-se para debate com grande participação do público presente que fez perguntas aos convidados da mesa.


Dr. Virgílio Baião, presidente do Ibedess, encerrou o debate analisando a mudança na formação do médico e sobre o vínculo médico e paciente, e plano de saúde e médico.